Home / Sua casa com estilo / Driver / Honda apresenta o sistema de energia inteligente Power Manager Concept (Conceito Gerenciador de Energia) no Salão do Automóvel de Frankfurt 2017 - Sistema de transferência de energia totalmente integrado gerencia a energia entre a rede


Honda apresenta o sistema de energia inteligente Power Manager Concept (Conceito Gerenciador de Energia) no Salão do Automóvel de Frankfurt 2017 - Sistema de transferência de energia totalmente integrado gerencia a energia entre a rede

Data: 12/09/2017

Honda apresenta o sistema de energia inteligente Power Manager Concept(Conceito Gerenciador de Energia) no Salão do Automóvel de Frankfurt 2017

- Sistema de transferência de energia totalmente integrado gerencia a energia entre a rede de fornecimento, residências e veículos elétricos

- Primeiro passo da Honda para que os carros elétricos contribuam com a criação de redes inteligentes de fornecimento de energia

- Projeto piloto na França usa unidades do Power Manager para desenvolver redes inteligentes regionais

 

A Honda apresenta, durante o Salão do Automóvel de Frankfurt 2017, a novidade Power Manager Concept (Conceito Gerenciador de Energia), um sistema de transferência de energia totalmente integrado.

 

O sistema foi projetado para incorporar veículos elétricos a uma rede inteligente de fornecimento de energia elétrica. Ele possibilita a coleta e distribuição de eletricidade entre rede de fornecimento, residências, empresas e veículos elétricos para equilibrar, de maneira inteligente, a demanda e o armazenamento eficiente de energia. A Honda irá aplicar a tecnologia do Power Manager como parte de um projeto piloto de rede inteligente no oeste da França.

 

"Iremos incorporar a tecnologia elétrica em dois terços dos carros vendidos na região até 2025", afirma Philip Ross, vice-presidente sênior da Honda Motor Europa. "A introdução do Power Manager reforça esse compromisso. Ele usa uma tecnologia avançada que integra os veículos elétricos a uma extensa rede de energia e, por isso, não será apenas um consumidor de energia, mas também irá contribuir para a rede. Ele sublinha nossa promessa de desenvolver um modelo de mobilidade mais sustentável", complementa.

 

Equilíbrio do fornecimento, armazenamento e demanda da energia elétrica

 

Power Manager trabalha agregando e distribuindo energia da rede, residências e empresas equipadas com painéis solares e veículos elétricos.

 

A eletricidade é recebida no sistema a partir da rede de fornecimento ou gerada pelos painéis solares e pode ser usada para alimentar ou aquecer estabelecimentos, bem como carregar os veículos elétricos. Enquanto o veículo estiver plugado, a energia pode ser armazenada e usada na residência ou vendida de volta à rede, gerando, potencialmente,  valor aos proprietários.

O sistema Power Manager pode ajudar a beneficiar a rede em momentos de baixo ou alto fornecimento, e também representar uma oportunidade de receita para proprietários de veículos elétricos.  

 

Projeto-piloto de rede inteligente na França

 

A Honda Motor Europa irá fornecer unidades do Power Manager para o projeto SMILE (Ideias Inteligentes para Conectar Energias) num programa-piloto de rede inteligente.

 

O projeto irá usar painéis solares e unidades do Power Manager para criar uma rede inteligente de energia, onde a energia pode ser utilizada para carregar veículos elétricos, alimentar estabelecimentos ou mesmo devolver eletricidade à rede quando requerido.

 

O projeto SMILE, apoiado pelo governo francês, está interligando 17 projetos com o objetivo de criar uma rede inteligente de energia no oeste da França até 2020.

 

O desenvolvimento do Power Manager sublinha o compromisso da Honda e sua ambição no campo da eletrificação.

Sobre a Honda no Brasil: Em 1971, a Honda iniciava no Brasil as vendas de suas primeiras motocicletas importadas. Cinco anos depois, era inaugurada a fábrica da Moto Honda da Amazônia, em Manaus, de onde saiu a primeira CG, até hoje o veículo mais vendido do Brasil. De lá para cá, a unidade produziu mais de 22 milhões de motos, além de quadriciclos e de motores estacionários que formam a linha de Produtos de Força da Honda no País, também composta por motobombas, roçadeiras, geradores, entre outros. Para facilitar o acesso aos produtos da marca, em 1981 nasceu o Consórcio Honda, hoje a maior administradora de consórcios do mercado nacional, que faz parte da estrutura da Honda Serviços Financeiros, também composta pela Seguros Honda e o Banco Honda. Dando continuidade à trajetória de crescimento, em 1992 chegavam ao Brasil os primeiros automóveis Honda importados. Em 1997, a Honda Automóveis do Brasil iniciava a produção do Civic, em Sumaré (SP), de onde já saíram mais de 1,6 milhão de veículos. Durante esses anos a empresa também inaugurou Centros Educacionais de Trânsito, de Treinamento Técnico, de Distribuição de Peças e de Pesquisa & Desenvolvimento. Estruturou uma rede de concessionárias hoje composta por aproximadamente 1400 endereços. Em 2014, em uma iniciativa inédita no segmento, a Honda inaugurou seu primeiro parque eólico do mundo, na cidade de Xangri-Lá (RS). O empreendimento supre toda a demanda de energia elétrica da fábrica de Sumaré, reduzindo os impactos ambientais das operações da empresa. Em 2015, a Honda Aircraft Company anunciou a expansão das vendas do HondaJet, o jato executivo mais avançado do mundo, para o Brasil. E a segunda planta de automóveis da marca foi construída na cidade de Itirapina (SP) porque muito mais está por vir. Saiba mais em www.honda.com.br ewww.facebook.com/HondaBR





Compartilhe: